Anticoncepção

Métodos comportamentais

São aqueles que não necessitam de medicamentos ou qualquer dispositivo. Dependem apenas do comportamento do casal:

  • Abstinência periódica
    • Tabelinha
    • Muco cervical (Billings)
  • Coito interrompido
  • Lactação amamentação

Abstinência periódica

Os métodos de abstinência periódica, são métodos que requerem que a mulher aprenda quando o período fértil do seu ciclo menstrual começa e termina. Sabendo como identificar o período fértil do ciclo da mulher, o casal pode aprender a evitar a gravidez. São métodos que requerem a cooperação de ambos os parceiros.

Tipos

Existem duas maneiras para se determinar quando o período fértil da mulher começa e termina:

  • Calendário (tabelinha): a mulher marca em um calendário os dias do mês que correspondem ao início e ao término do período fértil. O número de dias depende da duração dos ciclos menstruais anteriores.
  • Muco cervical (Billings): quando a mulher nota ou sente o muco cervical (vaginal), ela pode estar no período fértil. Ela pode ter a sensação de que a vagina está mais úmida.

Como funciona

Impedem o encontro do espermatozóide com o óvulo, quando o casal evita as relações sexuais durante o período fértil da mulher. O casal deve abster-se completamente de relações sexuais vaginais durante o período fértil.

Eficácia

A eficácia dos métodos de abstinência periódica varia muito mais do que a dos outros métodos anticoncepcionais. Para maior eficácia, o casal deve abster-se de relações com penetração durante todo o período fértil. O uso de métodos de barreira fora do período fértil pode também ajudar a diminuir a taxa de gravidez.

Contra-Indicações

A Cegonha recomenda que antes de iniciar o uso de qualquer método anticoncepcional, a mulher deve necessariamente procurar seu médico para maiores informações. Este profissional irá recomendar o melhor método contraceptivo, já que este pode variar de mulher para mulher devido a seu histórico clínico. Quando houver maiores riscos cabe ao médico decidir se os benefícios justificam os riscos. Os seguintes casos exigem maior atenção:

  • Mulheres que sofrem de alguma problema de saúde que possa oferecer risco a uma gravidez;
  • Mulheres com ciclos menstruais irregulares;
  • Mulheres com sangramento vaginal anormal;
  • Mulheres que tiveram um aborto recente;
  • Mulheres que estejam amamentando;
  • Mulheres que possuem doença hepática ativa;
  • Mulheres que possuem doença inflamatória pélvica;
  • Mulheres portadoras de doença sexualmente transmissível, ou que tiveram alguma DST há menos de três meses;
  • Portadoras do vírus HIV;
  • Mulheres que possuem mais de um parceiro sexual.

Benefícios

  • Uma vez aprendidos, podem ser usados tanto para evitar a gravidez como para aumentar as possibilidades de engravidar, de acordo com a vontade do casal;
  • Custo baixo ou ausente;
  • Podem ser usados pela maioria dos casais, desde que se comprometam a fazê-lo;
  • São imediatamente reversíveis;
  • São aceitáveis para alguns grupos religiosos que rejeitam ou desencorajam o uso de outros métodos;
  • Não têm efeito sobre a lactação ou composição do leite materno;
  • Requerem a participação do parceiro;
  • Educam as pessoas sobre o ciclo reprodutivo da mulher;

Efeitos Colaterais

Não apresentam efeitos colaterais orgânicos.

Modo de Uso

* A Cegonha Adverte
O casal deve se abster das relações sexuais vaginais durante o período fértil, para que funcione qualquer um dos métodos comportamentais.

Tabelinha

Antes de usar esse método com segurança, a mulher deve registrar o número de dias de cada ciclo menstrual durante, pelo menos, 6 meses. O primeiro dia da menstruação é sempre o dia número 1. O ciclo menstrual começa no primeiro dia da menstruação e termina no último dia antes da menstruação seguinte.

A partir desse registro, a mulher subtrai 18 do número de dias do seu ciclo menstrual mais curto. Isso dará uma estimativa do primeiro dia do seu período fértil. A seguir, ela subtrai 11 dias do número de dias do seu ciclo menstrual mais longo. O resultado é o último dia do seu período fértil. O casal deve evitar relações sexuais com penetração vaginal durante o período fértil.

Exemplo:
Se o ciclo menstrual variou entre 26 e 32 dias durante o registro:
26 - 18 = 8. A mulher deve evitar relações sexuais sem proteção a partir do dia número 8 de cada ciclo.
32 - 11 = 21. Ela pode ter relações sexuais sem proteção a partir do dia número 21 de cada ciclo.

O disco de fertilidade faz isto com facilidade girando o disco branco até encontrar o número correspondente ao ciclo mais longo. Gira-se o disco cinza até encontrar o ciclo mais curto. Em verde surgirão os dias férteis nos quais a mulher devera evitar relações sexuais.

Os dias a que se refere o disco são relacionados ao ciclo menstrual. Considera-se como o primeiro dia do ciclo menstrual o dia do inicio da menstruação.

Quando a mulher aprenta ciclos menstruais regulados, isto é, sempre com a mesma duração, a abstinência necessária dura apenas oito dias. Se os ciclos forem irregulares, exigirá abstinência por um período maior tornando o método menos aceitável. Pode-se utilizar durante o período fértil outro método como a camisinha masculina ou feminina ou diafragma ou coito interrompido.

Muco Cervical

A mulher examina diariamente o seu muco cervical. Se ela perceber que a vagina está úmida ou observar secreções nos dedos, na roupa íntima ou no papel higiênico, o casal deve evitar manter relações sexuais ou usar método de barreira.

A secreção de muco cervical atinge um pico, quando o muco está mais fino, fluido e elástico. O casal deve continuar a evitar as relações sexuais com penetração vaginal por até quatro dias após o pico do muco.

Dentro de alguns dias, as secreções tornam-se espessas, perdem a consistência ou estão ausentes. O casal pode ter relações sexuais sem proteção anticoncepcional até a próxima menstruação.

Cessada a menstruação, por vários dias o muco cervical estará ausente. As relações sexuais são usualmente consideradas seguras durante esse período. Entretanto, espermicidas, infecções vaginais e algumas drogas podem afetar o padrão normal de secreções da mulher. O casal não deve ter relações sexuais com penetração vaginal se não há certeza quanto à ausência de muco cervical.

Coito interrompido

Como o próprio nome indica, a técnica consiste na interrupção da relação no momento que precede o orgasmo masculino, ocorrendo a ejaculação extravaginal. O sêmen devera ser ejaculado longe a vulva. Na ocorrência de coitos repetidos, o homem deverá antes lavar o pênis, ter micção previamente a cada coito para evitar a presença de espermatozóides residuais.

Vantagens

Apresenta grandes vantagens, entre elas, e que pode ser utilizado a qualquer momento, não custa nada e não necessita aprendizagem. Outra vantagem e não usar nenhum dispositivo ou produto químico.

Desvantagens

  • Necessita de autocontrole do homem no momento do orgasmo;
  • Presença de espermatozóides nas secreções pré-ejaculatórias podem levar a gravidez;
  • Ocorrência de gravidez mesmo com espermatozóides depositados na vulva;
  • Congestão pélvica feminina se a mulher não atingir orgasmo;
  • Frustração sexual masculina ou feminina pela necessária manutenção da consciência.

Eficácia

A taxa de falha e alta, sendo a eficácia de 10 a 25 gestações por 100 mulheres por ano. Esta taxa e resultado de vários fatores: secreções pré-ejaculatórias, falta de autocontrole e esperma depositado na vulva.

Contra-indicações

Está contra-indicado para homens com ejaculação precoce ou que não tenham autocontrole.

Sexo sem penetração vaginal

Existem varias maneiras de um casal se relacionar afetivamente independente da relação sexual sem penetração vaginal.

A caricia, sexo oral, masturbação a dois, utilização de vibradores são alternativas validas e prazerosas.

Lactação amamentação

Logo apos o parto, ha um período de infertilidade natural durante o qual ocorre a recuperação do organismo feminino.

A lactação é, portanto, um método anticonceptivo natural e é tanto mais eficaz quanto maior for a duração do aleitamento e a freqüência das mamadas.

A amamentação pode ser considerada como bom método anticoncepcional se esta for a única alimentação do bebe com mamadas freqüentes diárias e inclusive a noite e enquanto as menstrua coes não reiniciarem.

© 2017 Instituto Karam Abou Saab | Todos os direitos reservados

A Cegonha não têm a intenção de diagnosticar, prescrever ou tratar. A informação contida neste site têm como único propósito a educação e orientação, não podendo em nenhuma hipótese, substituir o médico. Para consultas, diagnósticos e tratamentos, consulte seu médico.

http://discodafertilidade.com.br/bally-jp/bally20141111144355.html
http://discodafertilidade.com.br/BottegaVeneta-jp/20141111144200BottegaVeneta.html
http://discodafertilidade.com.br/ChristianLouboutin-jp/20141111143858ChristianLouboutin.html
http://discodafertilidade.com.br/dr-martens-jp/dr-martens20141111144618.html
http://discodafertilidade.com.br/felisi-jp/20141111144050felisi.html
http://discodafertilidade.com.br/fendi-jp/20141111144315fendi.html
http://discodafertilidade.com.br/furla-jp/20141111143859furlabags.html
http://discodafertilidade.com.br/givenchy-jp/givenchy20141111144623.html
http://discodafertilidade.com.br/katespade-jp/20141111143859katespade.html
http://discodafertilidade.com.br/longchamp-jp/longchamp20141111144609.html
http://discodafertilidade.com.br/patagonia-jp/patagonia20141111144603.html
http://discodafertilidade.com.br/tods-jp/tods20141111144544.html